sábado, 30 de abril de 2011

O canal do mangue

o canal do mangue
com suas flores amarelas
adornam seu esgoto
sem nenhuma pretensão de serem vistas

quem passeia a sua borda
e admira suas cores
quem as observa de longe
em uma rápida mira
no movimento do ônibus


a parada pichação
em um prédio secular abandonado
hospital de chagas

o canal do mangue
tem suas memórias
nas palmeiras derrubadas
na sua água sujinha
que corre quase parada

só um pobre anda a sua borda
e ele é motivo de desconfiança
seu descuido o condena

quem aceitará seu presente
com a mente aberta?


o canal do mangue
definitivamente
é muito sujo
para ser imagem do Rio


Canal do Mangue- Marc Ferrez- 1905

2 comentários:

floema disse...

gostei das flores amarelas

Jane Maciel disse...

elas estão lá como olhos melancólicos