domingo, 27 de março de 2011

Favoritos

um filho
muda os passos do homem
pois com suas pequeninas pernas
impõe o ritmo das quimeras

um filho
prematuro
tão miúdo
mas que segurou o dedo do pai
reconhecendo sua voz desafinada
que ele escutava em sua órbita aquática

filhos crescem
com o pai longe ou perto

filhos são do mundo
e no fundo, no fundo
o pai aprende a lição

Um comentário:

floema disse...

sinto um toque divino nessas palavras, no caminho da ancestralidade