quinta-feira, 10 de maio de 2012

ritornelos

coisas de lá pra cá
coisas daqui pra lá
coisas que vão e chegam

até nós
enchendo nossos armários
que nem temos
nossas malas
livros
roupas
quadros
instrumentos
máquinas

nós em espelhos desatentos

uma memória está aqui
por enquanto
neste domus que será desabitado
reabitado por outros
como era antes
com a mesma luz às 14h15

foi só um aluguel

5 comentários:

floema disse...

no retrovisor vejo as coisas do passado tão logo deixam de ser presente, mas à medida em que o carro segue, a imagem delas vai diminuindo até sumir totalmente. quando menos espero a nova paisagem já é o presente

Jane Maciel disse...

gostei!

Joiza disse...

Massa, tu consegue ver poesia até num aluguel...

Joiza disse...

Massa, tu consegue ver poesia até num aluguel...

Joiza disse...

Massa, tu consegue ver poesia até num aluguel...