segunda-feira, 14 de junho de 2010

Doce ilusão
que poderíamos
por um extensor
ver a beleza do instante
em sua completude

Paralisada
para sempre

Mas Ela só é
no seu instante

O fotográfo é aquele que está
Com seu extensor

2 comentários:

floema disse...

e o fotógrafo está vendo os instantes virando passado e roendo o futuro de um certo ponto no presente

viva bergson! rsrs

Joiza disse...

E corta o belo instante ao enquadrar. Talvez algo ainda mais belo tenha ficado fora do quadro. Vixe, pensar sobre isso é uma lombra sem fim. rsrs.